BLOG
Set-20-2010
Blog Corporativo: porque eu (empresa) preciso ou não de um
Por Alexandre Peconick (texto) / Fotos: Site Sxc.hu


João Ricardo Barusso Lafraia entrega o Prêmio REDUC de SMS a Edna França, preposto do Grupo LET na Refinaria Duque de Caxias (RJ)

   A febre dos Blogs na Internet, e suas aplicações práticas, já saíram há muito da esfera pessoal para ganhar o mundo das organizações de todos os portes.

   Líderes de organizações se debruçam diante da polêmica: para quê eu preciso de um blog?! Alguns garantem que é uma ferramenta geradora de oportunidades fantásticas para ampliação de mercado. Outros, mais céticos, argumentam que a existência de um blog causa muita dispersão em sua equipe de trabalho e distanciamento em relação ao foco principal do negócio. Consultores de TI do mercado admitem que o uso ou não de uma rede social intensa como é o blog tem dependido do tipo de atividade praticada na empresa e do perfil das pessoas que compõem seu ambiente de trabalho. “Influenciar positivamente as pessoas deve ser a resposta buscada para a decisão da criação de um blog corporativo”, dizem o experts no tema.

   Antes de mais nada, ajuda muito entendermos o significado do termo Blog.
Blog, numa definição bem simples, é um diário publicado na internet que pede um nível bastante significativo de receptividade e interação de quem o lê. A exibição dos textos começa dos mais recentes para os mais antigos, de forma que a primeira página sempre mostra as novidades.

   Em geral, a linguagem usada é bastante clara, direta e até descontraída, permitindo uma leitura dinâmica e agradável. A principal característica do software utilizado para manter o blog é a facilidade de uso. Publicar textos num blog não deve requerer absolutamente nenhum conhecimento técnico do autor. Aproveitando isso, diversas empresas criaram seus blogs e estabeleceram um novo canal de comunicação com seus clientes, clientes potenciais (ou prospects), parceiros e colaboradores.

   Blog Corporativo é um blog mantido por uma empresa. Através dele, os gestores desta empresa podem detalhar seus produtos e serviços, criar um canal de comunicação direto com os clientes, divulgar notícias próprias e do mercado, demonstrar sua expertise na área de atuação, entre outras finalidades.
Ao abordamos os blogs, sempre surgem alguns termos novos e não muito conhecidos. Como estamos falando sobre conceitos, vamos aproveitar e definir alguns:

· Blogosfera: É o mundo dos blogs, o conjunto de blogs e blogueiros, suas discussões, seu universo.

· Blogroll: É uma relação de blogs que o blogueiro recomenda. Trata-se dos blogs que o blogueiro lê, gosta, reconhece como bons e indica aos seus visitantes.

· Blogueiro: Autor dos posts (textos) de um blog

· Categoria: É uma forma de agrupar o conteúdo por temas. O blogueiro pode criar categorias em seu blog e classificar seus posts de acordo com elas.

· Comentário: Mensagem do leitor sobre o post lido.

· Permalink: Endereço único e definitivo do texto, cuja função é facilitar a criação de links para ele. Se fôssemos traduzir, seria o link permanente.

· Podcast: Arquivos de áudio que podem ser ouvidos pela internet ou baixados para o micro ou MP3 Player do usuário. São posts em áudio.

· Post: Ah, finalmente chegou o post. Este é o coração do blog! É, simplesmente, o texto publicado.

· Tags: São palavras-chave relacionadas ao post. Por exemplo, você pode escrever um texto relacionado a Bolos, classificá-lo na categoria "Bolos" e colocar as tags "Bolo de Chocolate", "Bolo de aniversário".

· Template: Modelo de layout e apresentação do blog. É a aparência do blog.

· Videocast: Arquivos de vídeo que podem ser assistidos pela internet ou baixados para o micro ou Ipod do usuário. É um post em vídeo.

Corporativo pode ser interno, direcionado aos seus funcionários, ou externo, também para seus clientes, parceiros, mídia e comunidade.

Blogs internos

   Um blog corporativo interno é uma importante e eficaz ferramenta de comunicação entre a empresa e seus colaboradores. Muitas vezes consegue substituir, com vantagens, trocas de e-mails para tomadas de decisões, pois além de manter as mensagens publicadas num único lugar, permite a qualquer interessado o acompanhamento da discussão em sua ordem cronológica e organizada. Desta forma, o conhecimento adquirido é mantido, assim como o histórico das conversas e decisões.

   As reuniões também podem ser otimizadas com a implementação de blogs internos. Além de permitir que os participantes se preparem melhor e tenham discussões mais adiantadas, muitas vezes consegue eliminar a necessidade de mobilizar as equipes para a troca de idéias, pois através do blog é possível lançar propostas, dúvidas, questionamentos e receber as opiniões dos demais integrantes do time. Outro benefício do blog interno é a difusão do conhecimento e o nivelamento das informações entre os funcionários, pois tudo que for de interesse da empresa estará à disposição para consulta durante todo o tempo.

Blogs externos

   O blog corporativo externo é o blog publicado na internet. É através dele que a empresa poderá criar um novo canal de comunicação com a comunidade na qual está inserida. Entre os muitos benefícios que o blog externo pode trazer, destacamos o potencial de fidelização de clientes e a garantia de presença do empreendimento em mecanismos de buscas como o Google e o Yahoo, criando mais um meio de captação de novos negócios.

Blogs de produtos ou projetos

   Blogs de produtos ou blogs de projetos são aplicações bastante específicas da tecnologia dos blogs. É cada vez mais comum aparecerem blogs desta natureza, ou seja, sites específicos destinados ao relacionamento da empresa com seus clientes, tendo como foco um produto ou projeto em particular.

   Um blog de projeto estimula o espírito participativo dos membros da equipe, a colaboração e o aprendizado mútuo. É capaz, ainda, de difundir a visão dos líderes do projeto para toda a equipe e promover o diálogo com atores externos à equipe, sejam eles funcionários da empresa ou clientes.

Blogs de CEOs

No exterior, muitos diretores e presidentes de empresas estão começando a blogar. Através de seus blogs, transmitem aos colaboradores, clientes, clientes potenciais, fornecedores e todos que se relacionam com sua empresa, os princípios e estratégias que norteiam suas atividades, além de conhecer o que estas pessoas pensam da companhia.

   No Brasil, o presidente do HSBC, Emilson Alonso, mantém um blog onde escreve sobre clientes, concorrência, indústria, gestão, qualidade de vida, etc. Todos os funcionários do banco podem acessá-lo e escrever comentários.

Razões para ter um blog corporativo (ou não)

   A decisão de ter um blog corporativo é bastante séria, gerando inúmeros reflexos para dentro e para fora da organiuzação. Não basta conhecer as razões para tê-lo, é preciso também saber porque não tê-lo. Então, para evitar algum prejuízo, leia aqui algumas das principais razões comumente consideradas no mercado:

   Coloca a sua empresa na internet: É a razão mais forte e por si só já suficiente para cada empresa criar o seu blog. Caso a sua empresa ainda não tenha website próprio, um blog corporativo é um ótimo passo na direção de garantir o seu espaço na internet. A sua empresa precisa aparecer nos resultados de pesquisas no Google, MSN e Yahoo! É nestes sites que os consumidores estão pesquisando os próximos produtos a serem comprados ou empresas a serem contratadas.

· Os seus concorrentes ou clientes blogam: é tão fácil ter um blog que provavelmente muitos dos seus clientes já devem ser blogueiros. E se eles gostarem da sua empresa, vão escrever um post nos blogs deles a respeito do seu. Por outro lado, é bem possível que seus concorrentes também já bloguem ou venham a blogar.


· É fácil de ser criado e mantido: é muito fácil criar e manter um blog. O software facilita bastante a publicação dos posts e quase tudo funciona de forma automática. Você não precisará ligar para o técnico da informática para colocar um novo texto no ar.

· É fácil de ser lido: navegar num blog é extremamente fácil. O visitante lerá os posts na ordem cronológica de publicação ou clicará na categoria que lhe interessar. Poderá também fazer pesquisas por palavras-chave. Diante do sucesso dos blogs, a cada dia mais pessoas sabem como usá-los.

· É barato: definitivamente é barato, logo há uma relação custo/benefício, para o empreendedor, pbastante favorável.

   Abre um canal de comunicação direta com o seu cliente: num blog, você tenderá a escrever de um jeito mais informal. Abaixo de cada post, haverá um link "Comentar". Adivinha o que vai acontecer? Os seus clientes escreverão para você! E você terá a chance de demonstrar que conhece muito bem o negócio da sua empresa. Quando outros consumidores lerem os comentários e as suas respostas, saberão que a sua empresa sabe o que faz, conhece os seus produtos e serviços e conversa com os clientes.

· Promove os seus produtos e serviços: um blog é uma conversa. No seu blog corporativo, você podera escrever "Agora fazemos isso" ou "Chegou tal produto" da mesma maneira como você conversa com os seus amigos. Você receberá comentários e conversará a respeito através do próprio blog.

· Aumenta o moral da equipe: quando usado apropriadamente, um blog pode aumentar o moral e a auto-estima dos seus funcionários. Sendo uma ferramenta acessível a todos, por que não elogiar os funcionários que se destacam em suas funções? Ou mesmo agradecê-los publicamente? Dá até para imaginar alguém dizendo "eu saí no blog este mês", não dá?

Cuidados antes de criar o seu blog corporativo

   Ter um blog corporativo pode trazer muitos benefícios para o seu negócio, mas é preciso também tomar alguns cuidados. Mas quais?

· É preciso escrever: a essência do blog são os posts, então o seu blog só receberá visitantes se houver conteúdo interessante. Você precisa escrever periodicamente ou ter alguém que faça isso no seu lugar.

· É preciso tomar cuidado com o conteúdo: lembre-se que ao publicar um texto na internet, você estará expondo a sua empresa para o mundo. Logo, é preciso saber o que escrever. Mais do que isso, é bom assegurar que o seu texto não tenha erros ortográficos ou gramaticais, o que poderá afastar os seus clientes. Caso você queira ter um blog corporativo e não esteja seguro do seu Português, uma boa opção é ter um jornalista para escrevê-lo.

· É preciso tomar cuidado com as respostas: você conversará com os seus clientes, seu mercado ou sua comunidade. É claro que você precisa ser bastante cuidadoso nesta comunicação.

· O assunto deve ser relevante: o seu blog será tão visitando quanto os assuntos tratados forem interessantes. Logo, você precisa ter um projeto bem definido sobre o que escrever, quais temas abordar, qual "espírito" você quer dar para o seu blog.

Funcionamento de um blog

   Nâo é preciso ter nenhum conhecimento técnico para escrever num blog, pois os blogs são gerenciados por sistemas que tornam a atividade de blogar tão simples quanto usar o Word ou enviar um e-mail.

   Basicamente, o autor do blog possui um login e uma senha para acesso à uma área restrita de onde cria seus posts, verifica se há novos comentários a serem aprovados e define como será a aparência do site.

   O autor pode criar "categorias" para classificar os posts. Assim, cada novo texto pode ser categorizado para facilitar a navegação no blog ou pesquisas dos visitantes.

Podemos resumir o funcionamento do blog desta forma:

1. O autor entra na área restrita, cria categorias, escreve, classifica e publica seus posts. Os posts mais recentes vão para o topo da lista na primeira página.

2. Os leitores acessam o blog, lêem os posts e escrevem seus comentários.

3. O autor do blog acessa a área restrita, lê os comentários deixados e aprova ou desaprova a publicação dos comentários no blog.

   Muitos executivos consideram o Blog Corporativo hoje como uma ferramenta altamente estratégica para aprimorar os relacionamentos existentes e conquistar novos relacionamentos. Porque na prática o é. Através de interatividade no blog é possível saber o que seus consumidores pensam de sua marca ou produto.

   Blogs Corporativos criam um vínculo de relacionamento com seu público-alvo, tornando-se uma importante ferramenta de marketing digital. Com o conteúdo apropriado seu blog pode gerar uma série de “leads” qualificados, ou seja, assuntos relevantes ao seu público. Ações como essa, geram o tráfego de visitas para seu site (pois um blog pode estar, o caso da empresa, dentro do site principal da mesma) e aumenta o interesse de seus consumidores pela sua marca.

Notícias
VER TODAS AS NOTÍCIAS
 
Blog Corporativo: po...
Grupo LET ganha Prê...
CONARH 2010 – ..
CONARH 2010 – PE...
CONARH 2010 – Jo...

Artigos
 
Artigo de Julho / 2007
Artigo de Maio / 2007
Artigo de Março / 2007
Artigo de Fevereiro / 2007
Artigo de Janeiro / 2007
Artigo de Novembro / 2006
Artigo de Setembro / 2006
Artigo de Agosto / 2006
Artigo de Julho / 2006
Artigo de Junho / 2006

Portfolio
    Início do “vôo solo”
  Nasce a LET
  Filiais
  São Paulo
  Projeção para o futuro
 
MembroOficial:
^ acessar o site
|| ||     São inúmeras as oportunidades oferecidas pelo Grupo Let. Não perca tempo!                                                                                                                                                                                     Faça logo seu cadastro em nosso Banco de Oportunidades e Talentos.                                        
 
Webstaff  ::  www.imailer.com.br ^ NPA ^ Rh Nacional